CONSULTORIA

A hidroponia é hoje uma tecnologia perfeitamente desenvolvida, e apta para ser aplicada a um grande número de finalidades, desde a alimentação humana, alimentação animal, produção de plantas aromáticas, plantas para fins fitoterápicos, plantas para a extração de princípios ativos para a indústria farmacêutica, fungos das mais variadas espécies, algas e muito mais.

Mesmo após terem sido definidos os seis sistemas hidroponicos básicos, dentro de cada um deles existem variações, e ainda existem composições dos vários sistemas, para serem aplicadas a cada planta a ser cultivada.

Por exemplo, é fácil cultivar alfaces para alimentação humana na forma de saladas, mas os sistemas convencionais para produzi-la, já não podem ser aplicados quando a finalidade dessa planta é a extração de princípios ativos para a indústria farmacêutica.

De forma semelhante, não se pode produzir rúcula comercialmente, com a mesma solução nutritiva usada para alfaces.

É relativamente fácil produzir FVH (Forragem Verde Hidroponica), mas não se pode produzi-la de forma comercial ou mesmo para uso próprio, no mesmo sistema onde se produzem alfaces.

Quando houver necessidade de uma estufa, as estufas utilizadas nos Estado Unidos, na Nova Zelândia ou na Austrália e mesmo na Europa, não servem para serem utilizadas no Brasil.

Mesmo no Brasil, as estufas utilizadas nos estados do Sul, não servem para serem utilizadas nos estados do Nordeste.

Construir um sistema hidroponico comercial, exige um investimento financeiro bastante grande, e embora tal investimento seja de retôrno muito rápido, qualquer êrro nessa construção, pode resultar em prejuizos bastante elevados.

Assim sendo, sempre que se desejar implantar um sistema hidroponico, hoje, faz-se necessário um aconselhamento com técnicos especializados em hidroponia, com muitos anos de vivência nessa tecnologia.

Não basta ir a uma fábrica de estufas e comprar a estufa que o fabricante quizer vender-lhe

Também não basta ir a um fabricante de canais para sistemas NFT, e comprar os canais que ele quiser vender, mesmo que ele lhe forneça até o layout das bancadas de cultura.

Os fabricantes querem vender-lhes seus produtos, não lhes importando para que realmente serão utilizados.

Um técnico de grande vivência, irá solicitar a seu cliente, em primeiro lugar, uma pesquisa de mercado, onde será definido o mercado ou cliente alvo do futuro produtor, as diferentes plantas a produzir, bem como suas suas quantidades.

Ele irá dizer-lhe qual o tipo de terreno mais aconselhável para ser adquirido, ou determinar o que fazer para utilizar um terreno existente, analizando plantas plani-altimétricas, e outros dados.

Irá verificar as fontes e qualidade da água existente, disponibilidades energéticas, facilidades de acesso a esse terreno, vias de comunicação, microclima da localidade do mesmo, e uma série de outras informações que serão solicitadas.

Baseado nisso, o técnico irá projetar e desenhar a instalação a ser construida.

Nós temos mais de quarenta anos de pesquisa e de trabalho com hidroponia, o que nos possibilitou o desenvolvimento de sistemas inéditos, e também a quebra de grandes mitos referentes a sistemas hidroponicos.

Temos algumas centenas de sistemas projetados e construidos sob nossa orientação, todos em pleno funcionamento até hoje, não só no Brasil como em vários paises do mundo.

Assim, oferecemos aqui essa quantidade de conhecimentos e prática ao nosso visitante, que já é ou poderá vir a ser um hidroponista.

CONSULTE "PRODUTOS" NO MENU INICIAL

botão